• Visita de escolas à ETEPAM

    26 abril 2017
    387 Visualizações
    Mat CM

    Hoje, 26 de abril de 2017, a Escola Técnica Estadual Professor Agamenon Magalhães recebeu a ilustre visita de diversas instituições da região metropolitana do Recife, o objetivo do projeto foi apresentar a ETEPAM para os estudantes mais jovens que pretendem ingressar na instituição nos anos que ainda virão. O evento conteve diversos meios para que os estudantes ficassem mais familiarizados com o dia-a-dia da instituição e como os demais estudantes se comportam mediante a isso. Foi apresentada toda a estrutura da ETEPAM, inclusive o Centro de Inovações da Microsoft, a maioria dos visitantes estudam em escolas municipais da cidade e se animaram com a possibilidade de ingressar a instituição mostrando um enorme interesse na prova de seleção, que acontece mais ao fim do ano. Os estudantes prestigiaram ainda mais uma apresentação ministrada pelos participantes do protagonismo juvenil da instituição, e organizaram também uma própria apresentação, os visitantes receberam uma acolhida e tanto dos estudantes e se sentiram em total harmonia ao estilo ETEPAM. Desejamos que esses estudantes tenham tido uma ótima visita, e que eles estão sempre convidados a visitar a nossa instituição!

    Continue Lendo
  • A melhor cultura que o mundo precisa cultivar, atualmente, é a da paz

    20 abril 2017
    179 Visualizações
    CulturaDuMundo

    Atualmente, temos visto um alto número de conflitos, sejam reais e diretos ou indiretos, nós precisamos ter um foco maior, sobretudo, a essa questão. Hoje, 20 de abril de 2017, o tema é cultura do mundo, mas devemos acima disso, ressaltar a nossa história, principalmente de guerra, mas como tudo exige na nossa brilhante caminhada, um início, meio e um fim, hoje em dia, que priorizemos a cultura de paz e esqueçamos de uma vez por todas a guerra que nos assola em algum lugar, mesmo que não seja aqui, tenhamos a compreensão de lutar não apenas pelos nossos amigos ou conhecidos, mas também, por todos aqueles que compartilham conosco o dom da vida.

    O mundo possui diversos países, com um vasto número de território, vários tipos de língua, milhares se contarmos com a dos nativos e todas as línguas mortas, possuímos tipos de dança e uma culinária para todos os gostos, mas além disso, muito além, cultivamos uma cultura de ódio e rancor que impera entre algumas sociedades ou países, uns com mais força que outros, por mais que seja incompreensível agora, podemos ver marcas no decorrer de nossa vida que prove e exponha que muitas vezes nós não compreendamos, como por exemplo, quando nós julgamos ou “padronizamos” em nossa cabeça uma teoria de existir um bem e um mal, em cada guerra ou em cada conflito diplomático, quando na verdade, existem dois maus naquela situação.

    Além de toda a sua história de guerra, que deve ser muito relatada, também devemos afirmar que o mundo possui diversas e mais diversas culturas:

    Na América existem países como o Brasil que possuem uma vasta natureza ao seu favor, mas um dos piores Índices de Desenvolvimento Humano do mundo. O Canadá, um dos maiores países do mundo, pode ser considerado multicultural por ser um país que acolhe e respeita todas as marcas que fazem parte do seu território. O México possui um enorme berço em arte plástica, a sua literatura é riquíssima de detalhes e ainda possui, apesar da destruição sistemática do seu patrimônio artístico, uma música e uma dança exclusiva, sem falar na sua eximia culinária. A Argentina vem acompanhada de sua dança em plena perfeição, como o tango que é mundialmente usado e reconhecido. O Uruguai tem uma cultura marcadamente europeia, com linguagens e costumes parecidos, quase que não possui uma influência indígena diferente de todos os outros países da América do Sul, e tem muita tradição em diversos esportes. E por fim, os Estados Unidos da América possui uma potência cultural, possui o mais avançado, criativo e inovador cinema do mundo, é uma forma de expressão cultural única para o povo estadunidense, a literatura é extensa e bastante famosa em todas as partes do mundo, o teatro é baseado majoritariamente pela tradição ocidental e está fortemente ligado a filmes, televisão e a música que é algo único, como diversos outros quesitos, possuindo artistas de diversos tipos sondados em qualquer parte do planeta, e além de tudo isso, ainda consegue obter uma culinária exemplar em relação a outros países, sem falar em seu tipo de artes plásticas, com um estilo contemporâneo, apesar de ser um dos países com mais acervo de produções artísticas de vários períodos da história.

    Na Europa podemos ver a Itália que é famosa pela sua forma artística, danças, religiões, monumentos e entre outros. Os Países Baixos possuindo um estilo de vida e uma cultura única. A França, que é o país com o maior número de prêmios Nobel em Literatura, possui as primeiras manifestações artísticas desde o período pré-histórico, é um estado laico e possui estruturas únicas em todo o mundo, na música se destaca o fato do romantismo na maioria e um estilo leve e puro de cantar, e por fim. O Reino Unido é famoso por seu estilo conservador em sua história, são bastantes adeptos em relação ao esporte e possuem diversas tradições e costumes, dão importância ao simples cumprimento na vida cotidiana, possui diversos tipos de comidas típicas e o principal é o peixe com batata, sem nem citar a beleza e a preciosidade dos seus pontos turísticos.

    Na Ásia, o Afeganistão possui diversos tipos de animais e possui um grande território, possuindo contato com vários outros países, e possui uma cultura particular em relação a todos os outros países do mundo. O Iraque, um país bastante antigo em relação aos outros, detendo também o famoso “Mil e uma Noites”, destaca-se a arte milenar do artesanato iraquiano e os diversos exemplos de tapete de todos os tipos. A Índia que é um país bastante extenso da Ásia, possui um clima tropical, é uma das expressivas e mais antigas civilizações do planeta, possui grande número de manifestações culturais e se destacam as suas tradições literárias, religiosas e até o cinema. A China, o famoso país do “Made in China”, é um dos países mais antigos em questões culturais, a religião possui um impacto extremo na cultura seja ela qual for, os valores tradicionais eram derivados da versão ortodoxa do confucionismo, e tem um grande impacto pela sua história revolucionária. O Japão, que possui o xintoísmo e o budismo como religiões mais praticadas, tem um costume único, o uso do quimono como a roupa mais tradicional e o de tirar as sandálias antes de entrar na residência, e como bebida mais tradicional do Japão, o famoso “saquê”.

    Na África, a Angola se destaca como um país que usa o português como língua oficial, e é um país fortemente reconhecido pelos seus poemas. O Zimbabué, um país pouco falado no mundo, mas importantíssimo na África, possui como bebida alcoólica mais famosa o chibuku, e tem grandes traços na culinária, bastante influenciada pela cozinha britânica combinada aos pratos africanos, e por fim. A Gana que é um dos países mais tradicionais do continente e possui uma cultura baseada nas suas riquezas naturais, tem como principal contribuição o kente, que é um tecido bastante conhecido por suas cores e simbolismos, é feito por habilidosos tecelões.

    E, por fim, a Oceania possui a grandiosa Nova Zelândia, que acaba sendo uma mescla de várias outras culturas como a dos seus nativos, os europeus e os asiáticos, onde a grande maioria descende dos europeus, possui diversos tipos de museus e é muito comum possuir um próprio barco, sendo um grande determinante fator em relação a esportes marítimos. A Austrália, conhecida como um dos países mais acolhedores do mundo, assim como o Brasil, se orgulha de ser uma nação multicultural, sua população é majoritariamente formada por estrangeiros ou mestiços, fazendo com que mais de 260 idiomas sejam falados nesse país, teve uma grande invasão de imigrantes durante e depois a segunda guerra mundial, e assim como a Nova Zelândia, possui uma cultura baseada em outros países do globo terrestre.

    Em relação aos aspectos mencionados no texto, podemos perceber a preciosidade da maioria dos países que pertencem ao nosso globo terrestre, mas devemos prestar atenção sobretudo em seu imenso potencial de disputa e ambição que faz com que cada um tente “falar mais alto do que o outro”, ou possuir mais do que o outro, devemos compreender como seres que vivem em um mundo único, perfeito e especialíssimo, devemos nos tratar com humanos, da França ao Japão, do Brasil a Austrália, da Rússia aos Estados Unidos, sejamos os irmãos que somos, por possuir uma só raça, somos todos iguais acima de qualquer fronteira, continente ou oceano, ou qualquer que seja o muro que quiserem impor sobre nós, há questões que não tem como possuir um individualismo, nós devemos resolvê-la todos juntos, como se iniciou, talvez todos se tratassem da mesma forma porque não tínhamos criado nossos diversos estereótipos que prejudica mais ainda a nossa relação como o povo querido, amável e focado que nós somos, prezemos mais a paz e a sua cultura, porque essa é uma cultura que deve ser cultivada por todos nós, quem quer que seja.

    Continue Lendo
  • O sangue que ferve em amor, luta e esperança

    19 abril 2017
    23 Visualizações
    mat cultura do Brasil

    Hoje, 19 de abril de 2017, comemoramos o dia do Índio, relacionado a isso, buscamos trazer nessa quarta-feira uma matéria, complementando a que foi feita na segunda-feira sobre as culturas históricas e a divisão entre o oriente e o ocidente, que fale sobre a Cultura do Brasil, atualmente, podemos perceber que a cultura do nosso país está deveras danificada em relação a todas as suspeitas de corrupção que assolam o Brasil, e que atrapalha ou prejudica mais ainda a nossa verdadeira identidade. Acima de qualquer suspeita ou fato consumado, cada um de nossos cidadãos são diferentes, e isso faz com que o nosso povo seja mais precioso, além de todas as outras qualidades que possuem, o simples fato de ser um povo acolhedor, que possui uma cultura única, culinária, costumes, danças e acompanhando isso tudo uma genuína natureza que auxilia mais ainda na preciosidade que é o lugar onde vivemos, e que devemos, sobretudo, dar muito valor.

    O Brasil possui uma enorme diversidade cultural, algo único e privilegiado dentre tantos outros países, refere-se diretamente ao costume de uma sociedade, seja a culinária, a religião, tradição e até o jeito em que as pessoas se vestem, pelo vasto território que possui, o Brasil é uma grande referência no aspecto cultural. Além de uma vasta composição comportamental, o Brasil possui também uma vasta composição ambiental, e apresenta diferentes climas, costumes e até a forma de falar nas diferentes regiões do seu território. Colonizados por um povo europeu, especificamente portugueses que se misturaram alheios aos nossos índios, e mais tarde aos escravos africanos geraram um povo de todo tipo, raça, cor, credo e entre outras. Posteriormente, imigrantes japoneses, italianos, poloneses, alemães, árabes e outros integraram contribuindo ainda mais para consolidação de um povo altamente mestiço, e ajudando também para com a pluralidade cultural do nosso país. Na região nordeste existem diversos tipos de dança e festas comemorativas que se destacam como o bumba meu boi, o maracatu, os caboclinhos, o carnaval, a ciranda, o coco, a marujada, o reisado, o frevo, a cavalhada e a capoeira. Como manifestação religiosas existe a festa de Iemanjá e a lavagem das escadarias do Bonfim. Um movimento literário fortíssimo na região é a própria literatura de Cordel, além disso, o artesanato é fortíssimo e possui diversos pratos típicos como a carne de sol, frutos do mar, buchada de bode, sarapatel, acarajé, vatapá, cururu, canjica, bolo de fubá, pamonha, cocada, tapioca e pé de moleque, são coisas que marcam mais ainda a diversidade de culturas que o Nordeste possui e a importância da sua história para o Brasil. Na região norte a quantidade de eventos culturais é enorme, as duas maiores festas são o Círio de Nazaré, em Belém do Pará; e o Festival de Parintins, a mais conhecida festa do boi-bumbá do país, que ocorre no Amazonas. Elementos culturais fortes são o carimbó, o congo, a folia de reis e a festa do divino, além disso, a influência indígena é fortíssima na culinária, baseada de mandiocas e peixes, outros alimentos típicos são o tucupi, tacacá, jambu e camarão seco, apimentando mais ainda a beleza e a naturalidade dessa importantíssima região em questões culturais. No centro-oeste brasileiro a cultura é bem diversificada, recebendo várias contribuições, que podem ser indígenas, mineiras, gaúchas, bolivianas e até paraguaias. São manifestações culturais típicas: A cavalhada e o fogaréu, em Goiás, o cururu, e como principais exemplos culinários: o arroz com pequi, sopa paraguaia, arroz carreteiro, arroz boliviano, maria-isabel, empadão goiano, pamonha, angu, pacu, dourado, entre outros. O Sudeste possui diversos tipos de festas, como a festa do divino, festejos de páscoa, congada, bumba meu boi, carnaval, peão de boiadeiro, dança de velhos, batuque, samba de lenço, folia de reis e caiapó. A culinária possui diversas opções e com todos os tipos de sabores, são a moqueca capixaba, feijoada, pão de queijo, feijão tropeiro, carne de porco, aipim frito, bolinho de bacalhau, picadinho, virado à paulista, cuscuz paulista, farofa e a pizza, sendo majoritariamente influenciado por escravos, índios, europeus e asiáticos, fazendo com que o Sudeste se torne uma riquíssima região em aspecto cultural e habitacional. A Sul, por fim, apresenta aspectos culturais de diversos imigrantes, dentre eles portugueses, espanhóis, alemães e italianos. As principais festas são: a Festa da Uva, de origem italiana e a Oktoberfest, de origem alemã. Diversos tipos de danças acompanham essa região, e festas como a de Nossa Senhora dos Navegantes, a congada, o boi-de-mamão, a dança de fitas e o boi na vara. Como aspectos culinários se destacam o churrasco, o camarão, o pirão de peixe, o vinho e o chimarrão.

    Em relação aos aspectos observados no texto, podemos perceber que, não importa, de norte a sul, de leste a oeste, o nosso país é recheado de surpresas e culturas, nós possuímos uma gama de diversidade religiosa, culinária e até festiva. Em qualquer lugar que seja que você estiver, no Brasil, vai ter uma marca, uma história, uma festa e algo típico e único daquele lugar, não importa qual seja. Nosso país é único, devemos respeitar e acompanhado por um povo que representa, se joga, se emociona e que vive torna da nossa casa um lugar ainda mais especial. Sempre, e sempre, pensais o melhor de alguém, ela vai dar e fazer o seu melhor, e quando se é brasileiro, oferecemos sempre, realmente e exclusivamente o melhor que podemos.

    Continue Lendo
  • Os intercambistas da ETEPAM

    18 abril 2017
    2038 Visualizações
    mat intercambista

     

    Ontem, 17 de abril de 2017, foi divulgado o resultado dos estudantes que passaram na avaliação do Programa Ganhe o Mundo, inclusive os da instituição. Na Escola Técnica Estadual Professor Agamenon Magalhães, quatro estudantes do segundo ano médio foram selecionados para o programa de intercâmbio, Alessandra Nunes, Paulo Matheus, Ana Júlia, Guilherme Augusto, dos cursos de Manutenção e Suporte de Informática e Logística. Foram diversos meses árduos, o curso inclusive teve início nas férias, de muito esforço, estudo e ótimo desempenho e temos o imenso prazer de vir nesse singelo texto homenagear todos esses jovens, dedicados e que ficarão marcados para sempre na nossa história, acima de tudo, queremos parabeniza-los e, principalmente, desejar tudo de bom para os nossos futuros intercambistas, que eles consigam desenvolver o seu curso com muita maestria, que consigam se adaptar com facilidade e que, acima de tudo, não desistam nunca, simplesmente porque junto desses jovens se encontrará todos nós, torcendo e na expectativa pelo sucesso de cada um.

    Nós entrevistamos os quatro estudantes da instituição, Guilherme Augusto, do segundo ano do curso de logística revela a sua reação ao saber o resultado: “Não esperava, ainda não caiu a ficha e só cairá quando eu chegar lá”, falou sobre suas dificuldades, que foram mínimas e ressaltou ainda sobre a missão do projeto, “Ajuda as pessoas que querem aprender, contribui como uma nova oportunidade para os que não tem”, citou. Ana Júlia, do segundo ano do curso de logística falou das mudanças que o curso provocou: “Me tornei mais responsável”, e mandou um recado para os estudantes que desejam participar do curso, “Façam sem pensar duas vezes, independente se queira fazer a viajem ou não, é uma oportunidade única”, disse. Alessandra Nunes, segundo ano do curso de Manutenção e Suporte de Informática revelou a sua primeira reação ao ter conhecimento do resultado: “Fiquei muito feliz”, citou. E identificou onde o curso lhe mudou, “Eu fiquei bem mais responsável”. Paulo Matheus, do segundo ano de logística disse as suas expectativas em relação à viagem: “Eu espero aprender a cultura, língua, participar ao máximo de tudo”, e ressaltou o porquê dos estudantes decidirem fazer o curso: “É uma grande oportunidade de viajar sem precisar pagar”.

    Aos nossos queridos estudantes desejamos por mais uma vez nossos mais genuínos parabéns, que consigam seguir um caminho perfeito em qualquer um que seja o seu país de destino!

    Continue Lendo
  • Por que nós devemos falar sobre: gravidez na adolescência

    18 abril 2017
    80 Visualizações
    mat gravidez

    Constantemente, conseguimos visar diversos artigos e matérias que buscam explorar o assunto da gravidez na adolescência que é muito extenso no Brasil, por descuido dos jovens e na maioria das vezes por desinformação ou falta de conscientização proporcionada pelo estado, família ou qualquer tipo de instituição que aja a respeito ou em prol desse tema. Traremos por essa semana mais um assunto alternativo, por escolha do leitor, que falará sobre o tema da gravidez na adolescência, buscando estatísticas e a conscientização dos jovens para mudar o número de gravidezes indesejáveis que na maioria das vezes acontecem nessa situação.

    Nós podemos apresentar diversas causas a esse tipo de assunto, na maioria das vezes, é mais frequente em grupos de maior vulnerabilidade social, e principalmente, a falta de informação e conscientização que não é apresentada nas devidas instituições. Mediante a isso, nós podemos perceber que na maioria das vezes, a consequência vem de forma profunda, algumas pessoas, sejam elas negligentes ou inocentes, não devem perceber isso, mas principalmente apoiar. A mulher é a principal afetada na maioria dos casos, como o pai é majoritariamente adolescente, faz com que as consequências decaiam todas nas costas da mãe, que também é adolescente, isso gera, infelizmente, os casos de abandono provocados pelo pai, junto a isso vem todos os casos de desgastes sofridos pela mãe, os casos que acendem e esquentam os diversos debates sobre a questão do “aborto” e sobre a questão de ser informado ou explicado em sala de aula, para diminuição dos casos onde a gravidez é indesejável e  o aumento da conscientização dos jovens mediante a esse assunto. Segundo dados, a gravidez precoce e a escolaridade são relacionadas, as mulheres com menor nível de instrução tiveram o filho por volta dos 19 anos, se relacionam também ao grau de escolaridade em relação ao uso de contraceptivo e a questão do planejamento familiar. Cerca de 20% dos nascimentos ocorrem em mais com 19 anos ou menos, e isso reflete majoritariamente a posição do Brasil nesse aspecto, que precisa se renovar. No nosso país o índice de gravidez precoce se compara a países que que permitem o casamento infantil, a gravidez chegou a cair 23% de alguns anos para cá, relacionado a isso, 75% das adolescentes que possuem filhos estão fora da escola, e enquanto isso, o Ministério da Educação não possui nenhum programa específico abrangente desse assunto.

    Em relação aos aspectos observados nessa matéria, nós podemos sentir os danos que na maioria das vezes uma adolescente grávida sofre, constantemente ocorre a ineficiência ou até inexistência paterna, o preconceito dos colegas e até familiar e os bullyings sofridos por causa da sua gravidez. Sendo indesejada ou não, é uma nova vida, uma nova oportunidade que você pode cursar, tudo mudaria, mas como todas as nossas escolhas possuem benefícios e malefícios, para algumas a vontade de continuar os estudos ou suas tarefas acaba dificultando mais ainda a situação que já não era tão agradável. Isso reacende a busca pela legalização do aborto, para algumas favoráveis, o aborto serve para resgatar a sua própria vida, julgam como algo que dará oportunidade para seguir a sua carreira dos sonhos e talvez voltar a ter uma gravidez, no próximo caso totalmente desejável e planejada, para as que são contra o aborto, mesmo que seja uma surpresa, elas procuram julgar como uma benção e um presente, e querem batalhar por um futuro consigo mesma e seu filho. Nós devemos contribuir para o respeito, e o fim do preconceito a adolescentes grávidas, não é uma tarefa fácil em um país tão machista,  talvez, mudar a nossa história nesse quesito seja principalmente quando relacionamos isso à conscientização, conscientizando os jovens sobre esses assuntos, não seria um ultraje, mas sim uma genuína forma de prevenir diversos contatos que provocam doenças ou até a própria gravidez indesejável, que traz danos profundos sombreados por uma pura alegria, ser mãe e pai, uma imensa dádiva.

    Continue Lendo